Fui na Caixa Economica Federal fazer o saque de uma conta inativa do Fundo de Garantia e não consegui ver as letras do documento que eu assinei. E tive também dificuldade em ver as letras do caixa eletrônico. Porque ?

Clínica de Olhos Arruda Melo | Anatomia do Olho

A dificuldade de enxergar para perto depois de 45 anos de idade é chamada de “Presbiopia”.
A presbiopia é a perda progressiva da acomodação. Não é uma doença, mas sim, um processo natural do envelhecimento do olho.
O mecanismo de acomodação está relacionado com o poder de elasticidade do cristalino. O cristalino é uma lente flexível e transparente que se localiza atrás da pupila- Figura 1.

Clínica de Olhos Arruda Melo | dificuldade de exergar de longe

Na juventude, o cristalino é bem flexível. Com o envelhecimento, torna-se gradativamente menos flexível e a pessoa passa a procurar o foco de perto. Por exemplo, para achar o foco na leitura de um livro, acaba esticando os braços, afastando o livro. - Figura 2.

Com a presbiopia, o individuo passa a ver borrado, turvo, para perto (figura 3). Acaba por franzir a testa, esforçando-se para achar o foco e com isso pode ter dores de cabeça, irritabilidade, cansaço, ardência e desconforto ocular.

A perda do foco vai piorando com o avanço da idade e as pessoas acabam por ter dificuldade não só na leitura, mas também para se maquilar, jogar cartas, ver preço dos produtos no supermercado, ver as horas e o dia no relógio, bordar, trabalhar no computador e também, teclar no caixa eletrônico. Enfim, atividades para meia-distância também acabam sendo afetadas.

O individuo também passa a necessitar de mais luz para as atividades de perto, como a leitura, que melhora muito com um foco de luz direcionado no livro.

Clínica de Olhos Arruda Melo | dificuldade de exergar de focar durante leitura
Clínica de Olhos Arruda Melo | Usar óculos para leitura

O que fazer para corrigir a presbiopia?

A presbiopia é corrigida com óculos ou lentes de contato.
Os óculos para perto diferem dos de longe e talvez seja necessário uso de 2 óculos, um para longe e outro para perto; ou um óculos só para perto e ao ver para longe, será forçado a retirar os óculos –Figura 4.
Há também a possibilidade de usar bifocais (na mesma lente há grau de longe e de perto); multifocais (na mesma lente há grau para perto, meia distância e para longe); multifocais regressivos (lentes para perto e meia-distância).
Com relação as lentes de contato, podem ser multifocais. Em alguns casos pode-se usar adaptação de lentes de contato com visão monocular, isto é, um olho focado para longe e outro para perto.

Prof. Dr. Paulo Augusto de Arruda Mello
Professor Associado do Departamento de Oftalmologia da Universidade Federal de São Paulo
Presidente da Sociedade Latino Americana de Glaucoma