Glaucoma Congenito
Fonte: http://schaefer.com.br

O que é Glaucoma?

Glaucoma é uma doença do nervo óptico que geralmente está acompanhada do aumento da pressão intraocular. Essa doença, quando não tratada, pode levar a lesões no nervo óptico e com isso, a cegueira. Importante salientar que o portador de glaucoma que perdeu parte da visão, não conseguirá recuperar mais o que perdeu, por isso chamamos de perda da visão irreversível.
Nós não evitamos o glaucoma, mas podemos evitar a cegueira promovida por ele.

Há vários tipos de glaucoma. O mais comum é o Glaucoma Primário de Ângulo Aberto ou Glaucoma Crônico Simples, que acomete mais frequentemente pessoas acima de 40 anos. O Glaucoma Congênito é mais raro e acomete o recém-nascido.

Qual a incidência de Glaucoma Congênito?

O Glaucoma Congênito é uma doença genética com incidência variável nas diferentes populações, com média de 1 caso para cada 10.000 nascidos vivos.

O que ocorre no glaucoma congênito?

O que ocorre é uma anormalidade na região da malha do trabecular e da câmara anterior, alterando o sistema de drenagem do humor aquoso, promovendo elevação da pressão intraocular. Geralmente é bilateral.

O que a mãe deve saber?

Observar nos olhos do bebê, se há (fig 1): aumento do tamanho do olho, lacrimejamento, fotofobia (aflição da luz), opacidades da córnea (levando a percepção de olho azulado).

Uma vez que se suspeite de glaucoma, a mãe deverá procurar seu oftalmologista ou serviços especializados o mais rápido possível.

O que fazer se for diagnosticado glaucoma congênito?

O tratamento é cirúrgico os primeiros dias de vida, ou assim que for confirmado, mas, enquanto o bebê aguarda a cirurgia deve ser administrado colírios para diminuir a pressão intraocular.

O resultado visual dependerá da precocidade da cirurgia e do acompanhamento evolutivo.

Kitadai SPS; Ventura LO- Cegueira Infantil in Taleb A.; Zin A.; Arieta C.; Nakanami C.:Prevenção da Cegueira: 10 anos para 2020; Livro Tema Oficial do XIX Congresso Brasileiro de Prevenção e Reabilitação Visual; Walprint, RJ – 2010:147-176.